• Início
  • Notícias
  • Sessão de Apresentação do Conselho Superior Empresarial de Engenharia

Sessão de Apresentação do Conselho Superior Empresarial de Engenharia

A ULHT e a Faculdade de Engenharia irão apresentar no próximo dia 3 de Novembro de 2016, pelas 18 horas, na sala 2.11, Biblioteca Armando Guebuza, o Conselho Superior Empresarial de Engenharia.

A Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias (ULHT), a maior Universidade Privada Nacional, e a sua Faculdade de Engenharia através da Direção de Engenharia e Gestão Industrial estão cientes das responsabilidades que lhes assistem pelo que nas suas áreas têm promovido de forma persistente e sistemática a melhoria contínua da qualidade do ensino e a sua internacionalização, a adaptação contínua à realidade em que nos inserimos, bem como a internacionalização do ensino nomeadamente nos Países de expressão oficial Portuguesa, onde detém inúmeras organizações universitárias.

Recebemos anualmente centenas de jovens que futuramente irão apoiar o desenvolvimento dos seus países como Engenheiros Industriais ou Engenheiros de várias outras especialidades como Engenharia, Eletrotécnica, Engenharia Civil, Engenharia Alimentar, Engenharia Biotecnológica, etc.

É neste contexto e no sentido de melhor darmos o nosso empenhado contributo para os problemas atrás mencionados que decidimos criar o Conselho Superior Empresarial de Engenharia (CSEE)

O CCEE tem como objeto promover a ligação universidade-empresa nomeadamente através das seguintes ações:

Apoiar a Faculdade de Engenharia (FE) na adaptação dos conteúdos formativos às necessidades empresariais bem como através de estágios e de realização nas empresas dos projetos finais de curso; Promover juntamente com a FE ações junto das escolas do ensino secundário da região em que se inserem tendo vista apoiar vocacionalmente os jovens, que pretendem aceder ao ensino Universitário ou Politécnico, através de mais e melhor informação sobre os tipos de necessidades de quadros das empresas e assim aumentar a taxa de empregabilidade dos Engenheiros Industrias bem como a eficiência da contratação de quadros pelas empresas nos domínios da Gestão, Engenharia e Internacionalização.

No âmbito das suas principais atividades o CSEE deverá:

  • Produzir linhas orientadoras para o ensino universitário ministrado na área da Engenharia e Gestão Industrial tendo em vista a melhoria contínua dos conteúdos e respetiva adaptação às necessidades dos membros do CSEE
  • Promover a melhoria da empregabilidade e dar orientações tendo em vista uma melhor decisão das opções formativas dos jovens, apoiar a ULHT junto das instituições do ensino secundário da região em que estão inseridos em ações informativas sobre as atividades e necessidades das empresas;
  • Apoiar a Direção da FE na definição de programas de formação nível IV e nível V bem como de pós-graduações ou cursos de formação profissional de curta duração, seminários ou outros que sirvam as necessidades específicas dos membros do CSEE
  • Apoiar, até ao final do mês de Janeiro de cada ano, a Direção da FE na definição do tema dos Projetos de Fim de Curso por forma a estes servirem os interesses de cada um dos membros do CSEE

Elaborar um plano anual de formação e estágio para alunos de países de expressão oficial portuguesa que frequentem os cursos de Engenharia em Portugal tendo em vista a sua eventual empregabilidade em empresas membro do CEGI com base em Portugal, ou outras, com operações nesses mercados aumentando o conteúdo local bem como a competitividade empresarial nesses países.

Promover projetos de Investigação, Desenvolvimento e Internacionalização com a participação dos membros do CSEE servindo os seus interesses específicos nas áreas da Gestão Industrial (Gestão de stocks, Gestão da Manutenção, Planeamento e Controlo da Produção, Métodos etc.),Tecnologias industriais, Qualidade, Ambiente, Segurança e Gestão de Ativos.

Apoiar a Direção da FE na realização de visitas de estudo, estágios de curta duração, projetos de fim de curso (6 meses) etc. tendo em vista eventuais futuras contratações.

Apoiar a Direção da FE e a ULHT na elaboração de candidaturas a programas nacionais ou internacionais de financiamento tendo em vista apoiar quaisquer das atividades atrás referidas.