Sessão de Início de ano letivo 2021-22 da Faculdade de Engenharia

Decorreu ontem, dia 30 de setembro, a sessão que marcou o início das atividades letivas da Faculdade de Engenharia (FE) relativas ao presente ano letivo. A sessão decorreu com a presença de numerosos Alunos das diferentes licenciaturas e mestrados, Docentes e Colaboradores. A Diretora da Faculdade, a Professora Cristina Guerra, começou por dar boas-vindas a todos e, em especial, aos Alunos do 1ºano, fazendo de seguida uma apresentação geral e detalhada da organização e missão da FE.

A sessão contou igualmente com a participação de vários convidados, nomeadamente a Dra. Elisabete Lourenço, coordenadora do programa de Internacionalização da Universidade Lusófona, que alertou os presentes para a importância de atualização e realização de estágios ou a frequência de unidades curriculares noutras Universidades através dos vários programas disponíveis, nomeadamente o Erasmus+, o Programa Overseas, o Programa Damião de Góis, entre outros.

Ao longo da sessão, os presentes tiveram a oportunidade de conhecer em detalhe o processo de recuperação da Unidade Piloto de industrial/cervejeira, em que o Professor Joaquim Pedro Silva apresentou de forma detalhada as diferentes fases da produção de cerveja. A terminar os Alunos do Núcleo de Engenharia do Ambiente deram a conhecer as iniciativas desenvolvidas ao longo do último ano letivo, enquanto a Professora Elisabete Maurício e Professora Joana Lage apresentaram o Projeto Eco-Escolas iniciado em 2020/21, as diferentes fases e os projetos realizados que permitiram o reconhecimento da FE/ULHT como Eco-escola, à qual foi atribuído o galardão.

NOITE EUROPEIA DOS INVESTIGADORES

Vários Professores estiveram presentes na NOITE EUROPEIA DOS INVESTIGADORES, dia 24 de Setembro de 2021, no Pavilhão do Conhecimento (Parque das Nações), em representação da Faculdade de Engenharia – Universidade Lusófona.
Os nossos docentes partilharam com o público as temáticas das suas áreas de investigação, em temas muito variados:

    • Solos e sedimentos, afinal isto é o mesmo? Podem naturalmente constituir problemas de contaminação ambiental?
    • Utilização de bioindicadores na deteção da toxicidade nos ecossistemas
    • Indicadores microbiológicos e físico-químicos de águas superficiais para alerta de poluição
    • Conheces o ar que respiras?
    • Fábricas inteligentes
    • Desenvolvimento de membranas poliméricas para filtração de água

    E foram muitos os que nos visitaram.
    Obrigado a todos os presentes que tornaram esta noite especial.
    Deixamos vislumbres de alguns dos momentos vivenciados.
    Mais informações em: https://nei.cienciaviva.pt/2021/

    Universidade Lusófona no TOP 5 das Instituições de Ensino Superior Portuguesas e no TOP 25 global

    A Universidade Lusófona foi avaliada com nota máxima em onze dos indicadores considerados pelo ranking U-Multi-Rank, partilhando por isso o top 5 nacional deste importante ranking europeu com as Universidades Nova, Lisboa, Coimbra e Minho. É um excelente indicador da qualidade de Ensino e Investigação na nossa Universidade! A nível global, a Universidade Lusófona destaca-se entre as 25 universidades avaliadas pelo excelente desempenho no índice de Cooperação.

    Para mais informações sobre os resultados da ULHT aceda a https://www.umultirank.org/study-at/lusofona-university-rankings